Governo libera R$ 14 milhões para compra de viaturas das Polícias Civil e Militar

O Governo do Estado liberou, nesta segunda-feira (27), R$ 14,083 milhões que vão garantir a compra de 180 viaturas para as Polícias Militar e Civil do Espirito Santo. A medida resulta do equilíbrio fiscal do Estado, que permite ao governo, em meio à crise econômica que impacta fortemente a arrecadação do Estado, priorizar recursos especialmente para as áreas de Segurança, Educação e Saúde, além de manter pagamentos de servidores e fornecedores em dia.

A liberação dos créditos orçamentários, em decretos assinados pelo governador Paulo Hartung, durante reunião com os secretários de Segurança Pública e Defesa Social, André Garcia, e de Economia e Planejamento, Regis Mattos Teixeira, garante para a Polícia Militar R$ 12 milhões, a serem aplicados na compra de 150 viaturas. Já para a Polícia Civil foram destinados R$ 2,083 milhões para a aquisição de 30 veículos.

Durante a entrevista coletiva, o governador Paulo Hartung informou que os recursos para aquisição das novas viaturas são provenientes de operações de crédito, no caso da PM, e de superávit de recursos próprios de 2016, no caso da PC. “Somando todos os investimentos, são quase R$ 17 milhões que vão possibilitar a aquisição de 311 novas viaturas para as nossas polícias. Vamos retirar as viaturas em uso e trocar por novas em todo território do Estado”, detalhou.

Em fevereiro deste ano, o Governo já havia liberado R$ 13,86 milhões para compra de novas viaturas policiais da PM e da PC, além de custeio, investimentos, compra de equipamentos móveis e permanentes, medicamentos e materiais médico-hospitalares e odontológicos para o Hospital da Polícia Militar e para obras e instalações, materiais permanentes e de consumo, além de equipamentos para a Polícia Civil.

Para o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, André Garcia, esse repasse de recursos para a renovação das frotas das Polícias Civil e Militar reforçará as ações de policiamento ostensivo e de investigação. “Além das 311 viaturas adquiridas pelo Governo do Estado, compramos 3.554 coletes balísticos para os policiais, garantindo que todos os PMs tenham o material e ainda mantendo uma reserva para trocas futuras. Mesmo com o cenário de crise econômica, a Secretaria de Planejamento fez ajustes e direcionou recursos para a obtenção dos equipamentos necessários para garantir a atuação dos policiais no combate ao crime”, finalizou.